Arquivo do mês: janeiro 2010

Escondido por detrás de uma tela

Como dá aflição ser escritor de blog. Você escreve para o mundo inteiro e não sabe quem lê. Não sabe nem se alguém realmente lê alguma coisa. Se lêem, não sabe se interpretaram corretamente. Fica ansioso por comentários que quase … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Marcado com , | 3 Comentários

Equilíbrio Mental

Como é importante, meus queridos amigos leitores, o equilíbrio mental ao longo do dia. Não sei se com vocês é assim, mas comigo é tão difícil conseguir manter um equilíbrio de pensamentos, uma paz na casa mental, durante o dia … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Marcado com , , , | 1 Comentário

Chico Xavier, o filme

Publicado em Uncategorized | Marcado com , | 1 Comentário

Tempo perdido

Sinto que pulei muitas aulas. Que não aproveitei as encarnações passadas da melhor maneira. Sempre, estiveram permeadas por gozos inúteis e ócios não produtivos. Não sou um conhecedor de minhas vidas passadas, mas sinto que foi assim. Cada encarnação é … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Escolha acertada

Estou, nesta madrugada de sexta-feira, refletindo sobre as escolhas que fazemos para as nossas vidas. Em alguns pontos, acertamos. Em outros erramos. Apesar disso, sei que tudo vale a pena, de modo que, por mais que não consigamos entender de … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Marcado com , | 1 Comentário

José e seus chicletes

José e seus chicletes José amava mascar chiclete. Todos os dias, depois da escola, José passava na padaria do Alfredo e comprava chiclete. Mas não comprava de montão, porque não tinha dinheiro. Comprava um por dia, só. Isso quando tinha … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Marcado com , | Deixe um comentário

A água

Morrendo de calor, dentro da sauna, depois de vários minutos de resistência, entrei dentro do chuveiro frio. A água desceu gelada, na minha cabeça. Refrescante! Fechei os olhos, só ouvia o som a água caindo, mais nada. Senti-me transportado para … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Marcado com , | 3 Comentários