Mães…

“O que mais um filho deseja de sua mãe é o amor e o que mais uma mãe deseja de seu filho é a felicidade.” Adeilde Barros

“Quando se é mãe, nunca se está sozinha em seus pensamentos. Uma mãe sempre dever pensar por dupla – uma vez por ela e outra por seu filho.” Autor desconhecido

“O amor de mãe por seu filho é diferente de qualquer outra coisa no mundo. Ele não obedece lei ou piedade, ele ousa todas as coisas e extermina sem remorso tudo o que ficar em seu caminho.” Agatha Christie

“Honrar o pai e a mãe não é somente respeitá-los, mas também assisti-los nas suas necessidades; proporcionar-lhes o repouso na velhice; cercá-los de solicitude, como eles fizeram por nós na infância.” Allan Kardec

“Os braços de uma mãe são feitos de ternura e os filhos dormem profundamente neles.” Victor Hugo

“Obrigado Senhor! Obrigado , Senhor , pela mãe que você me deu …

… por todas as Mães do mundo …

pelas mães brancas , de pele alvinha …

… pelas pardas , morenas ou bem pretinhas …

… pelas ricas e pelas pobrezinhas …

… pelas mães – titias , pelas mães -vovós , pelas madrastas -mães ,

… pelas professoras – mães …

… pela mãe que embala ao colo o filho que não é seu …

… pela saudade querida da mãe que já partiu …

… pelo amor latente em todas as mulheres , que desperta ao sentir desabrochar em si uma nova vida …

… pelo amor , maravilhoso amor que une mães e filhos … Eu lhe agradeço , Senhor!” Charlesk

“Existe uma imagem tão bela que nenhum pintor jamais conseguiu transpor para um quadro: a mãe com o bebê nos braços.” Willian Jennings Bryan

“No momento em que uma criança nasce, a mãe também nasce. Ela nunca existiu antes. A mulher existia, mas a mãe, nunca. Uma mãe é algo absolutamente novo.” Rajneesh

“Embora não seja minha mãe biológica, você me deu a luz! No dia em que nos conhecemos, me irradiou com o sol da sua amizade, e me iluminou com a estrela do seu sorriso. ” Autor desconhecido

“Certa vez perguntaram a uma mãe qual era seu filho preferido, aquele que ela mais amava. E ela deixou entrever um sorriso,respondeu: “Nada é mais volúvel que um coração de mãe”. E como mãe lhe respondeu: o filho predileto, aquele a quem me dedico de corpo e alma é:

o meu filho doente até que sare

O que partiu,até que volte

O que está cansado,até que descanse

O que está com fome, até que se alimente

O que está com sede, até que beba

O que está estudando, até que aprenda

O que está nu, até que se vista

O que não trabalha até que se empregue

O que namora, até que se case

O que é pai, até que os crie

O que prometeu, até que cumpra

O que chore, até que silencie

E já com o semblante bem distante daquele sorriso completou:

O que me deixou, até que o reencontre” Autor Desconhecido

Anúncios

Sobre João

Olá, amigo do outro lado da tela.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s