Ouvir o outro

As discussões políticas apaixonadas e desrespeitosas só fazem mal à política. O ódio e a raiva são antidemocráticos por si mesmos, pois o sujeito age negando o que o outro pensa e sente, não lhe dando ouvidos, não lhe dando chance alguma.

As manifestações agressivas são mais que antidemocráticas: são atos de desamor, pois ao negar o que o outro pensa e sente, nega-se o próprio ser humano que ali está, com seus propósitos, contradições, ideiais, história de vida, família…

O sujeito se nega a entender seu “irmão de espécie”, como se aquele não fosse também um ser humano, igual a ele. Se nega a conviver com o seu “irmão de terra”, ainda que a convivência seja uma fatalidade, pois ninguém poderá se mudar para Marte ou coisa do gênero.

Por isso eu penso que a boa luta política se faz através do diálogo, através da busca em encontrar o outro – ainda que, neste processo, também encontremos a nós mesmos, e percebamos as nossas diferenças em relação ao outro (talvez menores do que imaginemos, num primeiro momento).

Para finalizar, lembrei-me de Nelson Madela, que incentivou seu companheiro de lutas Mac Maharaj a aprender o aficâner, e ainda que este relutasse, dizendo “mas esta é a língua do opressor”, ele respondesse: “mas nós precisamos entender como eles pensam”, e quando este mesmo amigo o criticara por ter chamado de íntegro um chefe político racista, ele retrucou: “não importa o quanto somos inimigos, precisamos acreditar na integridade do outro homem” (trechos do documentário: https://www.youtube.com/watch?v=SzY8EnTakvw).

Anúncios

Sobre João

Olá, amigo do outro lado da tela.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s